.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. O telefone tocou de novo

. Feliz Ano Novo 2010!!!!

. Feliz Natal!!!!

. Boa Páscoa

. Selinho que ganhei....

. Vou mudar de sitio....

. O electroencefalograma do...

. Desafios

. O telefonema da Segurança...

. A consulta do Dinis

.arquivos

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds

Quarta-feira, 15 de Outubro de 2008

Dinis doente :(

Ontem o meu marido teve uma reunião da direcção da associação cultural e deportiva da empresa onde trabalhamos, da qual é presentemente o presidente. Depois fomos jantar com os nossos colegas e amigos, pelo que já regressamos a casa tarde. O Dinis adormeceu no carro, mas quando chegou a casa, por volta das 23h 30m, acordou.

 

Parecia bem disposto e mais animado do que o costume, para a hora em causa, como tal, tive de me deitar ao pé dele para ver se dormia mais depressa. Claro que eu adormeci e quando acordei, por volta das 2 da manhã, achei-o muito quente. Fui logo buscar o termómetro e tinha 38,4º. Fiquei logo preocupada, pois quando ele teve a convulsão, começou tudo assim. Fui logo dar-lhe Ben-u-ron e a febre baixou rapidamente.

 

Escusado será dizer que não dormi nada, pois de meia em meia hora levantava-me para ver se a febre tinha subido.

 

De manhã não tiva febre e apesar de estar um pouco rabugento e ter acordado por volta das 7h 30m, lá o levei para a escola, mas pelo sim e pelo não, dei-lhe o Brufen.

 

Pelas 11h 30m liguei para lá e disseram-me que ele tinha estado muito bem disposto. Falei com ele ao telefone, ao que me disse muito entusiasmado que estava na aula e "ingalês" e que tinha aprendido a palavra "yellow" que queria dizer amarelo. Fiquei mais descansada, podia ser que tivesse sido só de noite.

 

Mas por volta das 16 horas ligaram a dizer que ele tinha febre e a perguntar se lhe podiam dar Ben-u-ron. Eu disse que sim e pelas 17 horas o meu marido foi busca-lo. Estava bem disposto, sobre o efeito da medicação, mas pelos volta das 20 horas começou a ficar muito prostrado e a quaixar-se da garganta. Espreitei e vi que estava muito vermelha e inchada.

 

Não valia a pena esperar mais. Se era da garganta, não passava sem antibiótico. Chamei o médico a casa e ele confirmou que era da garganta. O JD portou-se muito bem mas pediu para o médico não usar a espátula. O que vale é que a maior parte dos médicos já não a usam, utilizam uma lanterna potente e ve-se bem o que se passa.

 

Resultado: antibiótico de 8 em 8 horas, Ben-u-ron e Brufen, de 8 em 8,alternando entre si; e ainda mamã ficar em casa com o filhote!

 

Começa cedo, este ano. Mas pensando bem, o ano passado, no dia do meu aniversário, o Dinis ficou doente. Eu gosto de tirar uma foto com ele nesse dia e depois vou comparando de uns anos para os outros, mas o ano passado não o pude fazer, por ele estar doente.

 

Enfim, espero que fique bem em breve, mas durante os próximos tempo, quando ele tiver febre, fico aflita e muito atenta, com medo de nova convulsão.

 

 

 

 

 

tags:
publicado por era1xeu às 11:58

link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.links

.subscrever feeds

.posts recentes

. O telefone tocou de novo

. Feliz Ano Novo 2010!!!!

. Feliz Natal!!!!

. Boa Páscoa

. Selinho que ganhei....

. Vou mudar de sitio....

. O electroencefalograma do...

. Desafios

. O telefonema da Segurança...

. A consulta do Dinis