.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. O telefone tocou de novo

. Feliz Ano Novo 2010!!!!

. Feliz Natal!!!!

. Boa Páscoa

. Selinho que ganhei....

. Vou mudar de sitio....

. O electroencefalograma do...

. Desafios

. O telefonema da Segurança...

. A consulta do Dinis

.arquivos

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds

Quinta-feira, 26 de Abril de 2007

Ter mais filhos....

O JD anda cheio de tosse de novo. Hoje tou aqui a trabalhar mas cheia de sono, pois à 2 noites que ele tosse muito. Ai até à 1/2 da manhã dorme sossegado, depois tem um ataque de tosse que se prolonga ai uma hora. Acabo por o ir buscar para a nossa cama, para o manter mais direito e a tosse acalmar. Depois acalma ai até às 4/5 da manhã e ai regressa de novo.... Estou a dar-lhe xarope Actifede e de cenoura, feito com açucar amarelo. Também lhe fiz intem aerossois antes de dormir, para ver se a expectoração se solta, porque dá para perceber que é por isso que ele tosse... Enfim, ele tem uma fragilidade qualquer em relação à tosse, e este tempo incerto não ajuda mesmo nada, um dia chove, outro faz sol e hoje está de novo um frio de rachar. Nem sei como o hei-de vestir, se ponho mais roupa sua, se ponho menos tenho medo que tenha frio..... Calor, volta, temos saudades tuas!!!!! Eu acho que ele deve ter alguma alergia mas ainda é pequeno e só com análises de sangue dá para ver ao que é, e ainda não tive coragem de o levar às picas. se tivesse de ser, ia e ia mesmo. Mas assim tenho andado sempre a adiar, principalmente porque ficou super-traumatizado com as vacinas dos 18 meses e imaginem que ainda se lembra. Agora comprei-lhe uma mala com coisas de médico e adora. Anda sempre a dar picas e a dizer: "Não doi!". Tou a pensar comprar um purificador de ar, para ver se o ajuda com estas tosses, o que acham, alguém tem? Será que resulta e ajuda?


Agora vamos falar da mamã do JD. Como já tenho falado estou a pensar dar um mano ou uma mana ao meu filhote. Não tomo nenhum anticoncepcional desde que o meu filho fez 3 meses e só tomei no inicio porque o médico quase me obrigou. Diz que muitas mulheres ficm grávidas nos meses logo a seguir ao parto mas que o nosso organismo não está ainda em condições de ter outro filho. A partir dai foi sempre a pensar no proximo filhote. Claro que não aconteceu nada, nem mesmo uma esperança, pois a minha visita mensal nunca mais se atrasou mais que 2 ou 3 dias. Por isso em Fevereiro fui à minha médica de infertilidade para ver o que ela me dizia. Mando-me fazer um monte de exmaes, dos quais me faltas as análises, por terem de ser feitas em dias especificos do mês e que tem calhado sempre em feriados e fins de semana. Mas na proxima semana acho que vai dar, por isso ponho-me a pensar se quero mesmo isto. Olho para as minhas amigas e só 2 tem 2 filhos, todas as outras tem apenas 1 e por opção, pois podem ter quantos quiserem. A vida é mesmo irónica, certo? Elas podem e não querem, eu quero e não posso... Então chego à minha questão: será que eu quero porque não posso, porque gosto de testar sempre os meus limites????? Será que se que se eu pudesse ter filhos quando me apetecesse ia ter só 1????

Porque eu tenho 37 anos e já não tenho a energia de antes (a sério, às vezes sinto-me muito cansada, cansada da vida que tenho e que me deu tantos pontapés, e alegrias também, claro....). Será que vou conseguir passar por todo o desgaste fisico e emocional que estes tratamentos trazem? E monetáriamente? Antes podia recorrer ao Estado mas para 2º filho, nada de nada, tem de sair tudo do meu bolso e as seguradoras não comparticipam nada. E agora tivemos uma oportunidade de termos uma vivenda, em auto-construção, mas todo o dinheiro é pouco. Também temos de vender a nossa casa e não está fácil vender. Além disso a minha mãe era uma ajuda fundamental para ajudar a criar os meus filhos e esse apoio já não existe.
                                 
Agora os prós. Eu e o meu marido somos filhos unicos e eu semrpe, sempre pedi irmãos aos meus pais. E depois de a mnhia mãe ter morrido, senti que fiquei sozinha com o meu filho, independentemente de ter o meu marido, os meus amigos e a minha familia. E eu adoro crianças, mesmo muito, se pudesse estava sempre a brincar com o meu filho ou com os meus afilhados ou com os filhos das minhas amigas. Eu estou também inscrita na adopção, mas tenho a sensação que por ai não vem nada.

Por isso sinto-me um pouco perdida, sem saber muito bem o que quero, mas a pensar que tenho de tentar de novo para me sentir em paz comigo propria. A esperança é pouca, pois no fundo não acredito que um milagre aconteça 2 vezes à mesma pessoa. Gostava de acreditar mas a minha fé foi muito abalada depois do falecimento da minha mãe, como tal deixei de acreditar, mas por outro lado tenho de tentar, será que alguém me compreende???
publicado por era1xeu às 17:37

link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.links

.subscrever feeds

.posts recentes

. O telefone tocou de novo

. Feliz Ano Novo 2010!!!!

. Feliz Natal!!!!

. Boa Páscoa

. Selinho que ganhei....

. Vou mudar de sitio....

. O electroencefalograma do...

. Desafios

. O telefonema da Segurança...

. A consulta do Dinis